Para iniciar, é importante começar por uma regra fundamental: gamificação não é jogo! A Gamificação utiliza estratégias de jogos a determinadas atividades para gerar maior engajamento e empatia dos usuários de uma empresa, por exemplo.

Na nossa plataforma, a gamificação proposta visa o engajamento dos usuários de cada organização, seja com o objetivo de aprender, interagir, compartilhar ou de gerenciar o sistema, tornando a experiência do usuário mais agradável e atrativa. Com isso, espera-se atender aos diferentes públicos e perfis com os quais nossos clientes trabalham.

A gamificação que definimos para a nossa plataforma tem 4 elementos principais: Desafios, Missões, Jornadas e Conquistas.

Desafios são tarefas que o aluno deve cumprir;

Missões são um conjunto de desafios.

Jornadas são conjuntos de missões; e

Conquistas são o que o usuário recebe ao cumprir os desafios, missões ou jornadas propostas.

As conquistas podem ser em forma de reconhecimento social, com os badges (medalhas ou emblemas que fornecem uma motivação complementar) ou com pontos, obtidos pelos alunos ao completar as missões e os desafios de aprendizagem.

Badges são uma boa maneira de tornar as conquistas mais atrativas para o aluno. Os pontos são obtidos pelos alunos ao completar missões e desafios de aprendizagem e geram um enorme impacto sobre o engajamento deles na aprendizagem, além de classificá-los em vários tipos de Ranking.

Esses pontos também poderão ser utilizados para troca de produtos na Loja, se você utilizar essa opção. Isto tem um enorme impacto sobre o engajamento dos usuários no curso.

 

 Para ter um bom projeto de gamificação, é necessário planejamento e análise técnica para poder definir as regras bem claras para os usuários e garantir que tudo que foi pensado será implantado.